Corpo do publicitário Rodrigo Moura é encontrado em ribanceira de Aracruz

Imprimir este Post

O corpo do publicitário Rodrigo Moura, de 32 anos, foi encontrado na tarde desta segunda-feira (13) numa ribanceira entre as localidades de Barra do Riacho e Vila do Riacho, em Aracruz. A informação foi confirmada por investigadores da Polícia da cidade. O local, segundo informações, é geralmente utilizado para desova.

O corpo de Moura estava em adiantado estado de decomposição e o seu rosto desfigurado. Moura foi encontrado com mesma a roupa que saiu na última quarta-feira (08) para se encontrar com uma pessoa na Vila do Riacho: bermuda curta e camisa de manga longa preta. As roupas foram reconhecidas por um irmão de Rodrigo, inclusive, uma cicatriz que ele possui no braço.

Os familiares do publicitário retornam do local onde o corpo foi localizado após acompanhar os trabalhos dos peritos da Polícia Civil de Linhares.  O corpo de Rodrigo Moura será removido para o Serviço Médico Legal de Linhares e sepultado hoje (14/07).

As investigações sobre o assassinato do publicitário Rodrigo Moura continuam sendo conduzidas pela Delegacia de Homicídios de Aracruz sob o comando do titular Leandro Barbosa. Qualquer informação que possa contribuir com os trabalhos da Polícia devem ser repassadas para o 181.

rodrigo

O caso
O carro de Rodrigo foi encontrado em Vila do Riacho, litoral de Aracruz, no mesmo dia do desaparecimento. Nesta sexta-feira (10), peritos analisaram o veículo e colheram as digitais. No porta-malas havia várias marcas de sangue. A perícia enviou amostras para um laboratório de Vitória para saber se o sangue é de uma ou mais pessoas. Eles aguardam o laudo da perícia, que deve ficar pronto somente em 30 dias.

A mãe de Rodrigo, Eliana Moura, disse que o filho iria para Aracruz se encontrar com uma pessoa. “Aí eu falei, meu filho, cuidado. Ele falou que ia pra uma reunião, mas que mais tarde ligava. Ele nunca deixava de ligar pra mim. Ele ligava e falava que ia pra Aracruz, Vitória ou que estava chegando. Esse dia ele não ligou”, explicou a mulher.

Rodrigo completaria 33 anos dia 16 de Julho. Ele morava sozinho no bairro Novo Horizonte onde também funcionava sua agência de comunicação. O último contato do publicitário foi com amigos por meio do aplicativo Whatsapp.

Na conversa, Rodrigo enviou o print do bate-papo com uma pessoa, que supostamente seria de Vila do Riacho. Na mensagem ele dizia que estava com sem dinheiro para colocar gasolina. Do outro lado, a pessoa disse que se ele tinha combustível suficiente para ir e ela colocaria para ele retornar a Linhares. O teor da conversa já foi entregue aos investigadores da Polícia Civil de Aracruz.

Fonte: Site de Linhares | G1/ES

Jornalista e publicitária. Diretora Presidente dos jornais Hora Aghá e Correio Regional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*